Pular para o conteúdo

Ponto Cine pelos Direitos Humanos

novembro 17, 2010

Na próxima semana o Ponto Cine promove a I Mostra Direitos Humanos no Ponto. A mostra acontecerá nos dias 22 e 29 de novembro às 19h e nos dias 23 e 30 de novembro às 10h.

O Filme "Juízo" de Maria Augusta Ramos está na Programação da Mostra

A mostra será formada por três filmes e um episódio do programa Conexões Urbanas, produzido pelo Grupo AfroReggae. Em seguida serão promovidos debates seguindo a linha discussão determinada para cada tema da mostra:

– O sistema carcerário brasileiro
– A mulher e a prisão
– Os jovens e a criminalidade
– Penas alternativas é a solução?

O Filme Juízo

E se você quiser participar da Mostra, basta entrar em contato com a nossa produção através do 3106-9995, a entrada é franca mas as exibições são muito procuradas. Por isso não perca tempo.

Segue a Programação da Mostra:

Dia 22 – 19h
Conexões Urbanas
Debate: O sistema carcerário brasileiro

Dia 23 – 10h
Juízo

Juízo acompanha a trajetória de jovens com menos de 18 anos de idade diante da lei. Meninas e meninos pobres entre o instante da prisão e o do julgamento por roubo, tráfico, homicídio. Como a identificação de jovens infratores é vedada por lei, no filme eles são representados por jovens não-infratores que vivem em condições sociais similares. Todos os demais personagens de Juízo – juízes, promotores, defensores, agentes do DEGASE, familiares – são pessoas reais filmadas durante as audiências na II Vara da Justiça do Rio de Janeiro e durante visitas ao Instituto Padre Severino, local de reclusão dos menores infratores. Juízo atravessa os mesmos corredores sem saída e as mesmas pilhas de processos vistas no filme anterior de Maria Augusta Ramos, o premiado Justiça. Conduz o espectador ao instante do julgamento para desmontar os juízos fáceis sobre a questão dos menores infratores. Quem sabe o quê fazer? As cenas finais de Juízo revelam as conseqüências de uma sociedade que recomenda “juízo” a seus filhos, mas não o pratica.

Debate: O jovem e a criminalidade

Dia 29 – 19h
O Cárcere e a Rua

Cláudia, presidiária mais antiga e respeitada da Penitenciária Madre Pelletier, deve deixar o cárcere em breve. Assim como Betânia, que vai para o regime semi-aberto, e ao contrário de Daniela, que recém chegou na prisão e aguarda julgamento. Enquanto Daniela busca proteção na cadeia, Cláudia e Betânia vão enfrentar as incertezas de quem volta para a rua.

Debate: A mulher e a prisão

Dia 30 – 10h
Penas Alternativas

O documentário busca refletir sobre o fracasso do sistema penitenciário brasileiro. Tendo como foco um Centro de Detençăo, um presídio e uma ONG no estado de Săo Paulo, o filme percorre vidas que seguiram destinos diferentes. Pelos depoimentos de indivíduos que foram sentenciados ao regime fechado de encarceramento e dos que realizaram as penas alternativas, mais precisamente a prestaçăo de serviços a comunidade, o documentário apresenta soluçőes para a superlotaçăo carcerária e investiga as finalidades da pena de prisăo.

Debate: Penas alternativas é a solução?

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: